Tour no quartinho da Helena e do Lúcio

Desde que anunciei a gravidez lá no @familiaaventureira , recebi muitas mensagens perguntando se a Helena e o Lúcio iriam dividir o quarto, se eu faria algum tipo de reforma.. e como quem nos acompanha sabe que temos um estilo mais simples e minimalista, rolou muita curiosidade em como faríamos nesse processo e muitos pedidos de dicas. Resolvi então unir tudo em um post só! Mostrando como ficou o quartinho dos dois e como manter tudo o mais básico e funcional possível.

 

XGAP1409

Bom, pra começar, nos mudamos a menos de dois anos pra um apto novo. Adquirimos ele ainda em fase de construção e com todas as despesas de construção/decoração somada a pressa de sairmos do aluguel e irmos pra ele, muitas coisas ficaram pendentes e estão pendentes até hoje. Faz parte!

Então quando começamos a tentar engravidar, fomos listando as coisas que deveríamos fazer antes do Lúcio nascer por questões práticas e que seriam inviáveis de serem feitas pouco depois dele chegar. Entre elas, corrigir rachaduras de movimento do prédio dentro do apto (que acontecem nos primeiros anos), refazer a pintura e trocar o piso mas parte dessas melhorias estavam dentro da garantia do prédio e por isso ficamos na dependência da construtora agendar a obra. Ela aconteceu só aos 7 meses de gestação e nem preciso dizer que isso me deixou extremamente ansiosa e estressada. Se não fosse extremamente necessário por questões burocráticas e pela impossibilidade de ficar quase 1 mês fora de casa com um bebê recém nascido, não teríamos feito.

Mas deu tudo certo e aproveitamos pra finalmente fazer uma versão definitiva pro quarto da Helena.. porque desde que nos mudamos, o quarto dela sempre foi mais um depósito/cantinho de brinquedos do que um quarto, já que o bercinho dela ficava no nosso quarto e depois ela continuou dormindo com a gente.

Vamos ao que interessa.. na gravidez da Helena, eu ainda morava com meus pais e por isso, não passei por esse processo de construir um quartinho ou pensar em decoração. Minha irmã me emprestou um berço e foi isso!  Além disso, ela também me emprestou bebê conforto, cadeirinha de alimentação e todo o enxoval que minha sobrinha já não estava mais usando. Então basicamente não compramos nada! E apesar de não ter passado por essa fase gostosa de montar as coisinhas do nosso jeito, foi uma ótima experiência pra percebermos que um bebê não precisa de nada além do básico.

Com isso em mente, foi muito mais fácil nos prepararmos pra chegada do Lúcio. Como devolvi tudo pra minha irmã depois que a Helena cresceu, precisamos comprar tudo do zero.. então passei meses apenas pesquisando, imaginando como gostaria que ficasse o quartinho dos dois, busquei referências no Pinterest e procurei encontrar móveis/peças que combinassem com o que eu já tinha.

 

Sou apaixonada por quartinhos claros, clean e com aquela vibe boho/farmhouse sabe? Simples e aconchegante. Além disso, sabia que queria um quartinho bem básico, sem muitos brinquedos expostos e com poucas cores. Isso porque percebi o quanto esse excesso de cores, brinquedos a mostra etc atrapalhava o sono da Helena. Muitas noites em que ela dormia no quartinho dela, quando acordava a noite, imediatamente já se levantava pra brincar com os brinquedos que estavam a mostra. Então queria uma divisão clara entre lugar de dormir x lugar de brincar e um ambiente que ela realmente pudesse relaxar e ter uma noite de sono tranquila.

E o primeiro passo pra isso, foi levar em consideração o que ela gostaria pro cantinho dela. Bem humilde como sempre, a única coisa que ela me pediu foi uma prateleira ao lado da cama pra que ela pudesse colocar os livros e ler deitada ♥

 

NQJJ4088
Prateleiras e molduras da Leroy Merlin, Livros do Leiturinha, Arte “Amor” da Amor & Água, Folhas da moldura superior são do meu buquê de casamento.

IMG_4345
Como tinha na minha cabeça esse conceito mais simples, quis abusar bastante do branco, da madeira rústica e de outros elementos naturais que eu poderia garimpar por aí.  Compramos as prateleiras juntas, assim como fazemos com tudo que é pra ela e de quebra, já levamos essas molduras na mesma madeira, que estavam na promoção na Leroy Merlin. Já tínhamos a cama, que ela escolheu depois de passar uma tarde inteira pulando em todas as camas da Tok & Stok e que embora pareça uma simples cama branca de ferro, pra ela, é na verdade uma super cama elástica na qual ela passa boa parte do tempo pulando. O tapete é de uma lojinha de artesanato daqui de Floripa chamada Ilha Nativa, foi onde comprei nossos talheres de madeira, cesta de piquenique, cestos de palha e por aí vai. Ela fica do lado da nossa antiga casa e sempre passamos por lá. Demos sorte de encontrar esse tapete na medida perfeita pro quarto e nesse tom cru lindo, também em uma mega promoção.

 

IMG_4346

IMG_4344
O berço foi uma saga! A princípio, queria um berço branco de ferro pra combinar com a cama e fiquei meeeeeses procurando até encontrar um usado no Mercado Livre, porém o custo pra trazer ele pra floripa e restaurar a pintura, não compensavam. Fiquei meses a procura de um berço que combinasse com o resto do quarto, que fosse bonito, com uma carinha mais simples e não custasse uma fortuna.. até chegar a bendita Black Friday (já viu que adoramos uma promoção né? hahahahaha) e encontramos não só o berço, mas também uma cômoda bem parecida com o que queríamos, lá na Abra Cadabra. E como nem tudo é perfeito, tínhamos um problema: tudo isso não caberia dentro do quarto e teríamos que dividir entre o quarto das crianças e o nosso. Mas faz parte da vida de quem mora em apartamento pequeno né?  O móbile encontrei no Aliexpress e tem feito sucesso quando mostro nos stories do ig, queria muito um mobile de madeira e neutro mas tive dificuldade em achar por aqui e lá acabei encontrando como eu queria. Chegou rapidinho e tem a opção de comprar mais bolinhas avulso e acrescentar.

 

WMUL3229

MKNY9022
Helena com roupinha Loja Mimmo e lacinho Dona Nenzinha.

SHLN2662

GDEBE3945

Os cestinhos que ficam entre a cama e o berço são pra guardar alguns brinquedos e tiveram custo zero. Minha irmã ia jogar fora e como estavam novinhos, peguei logo quando nos mudamos e não tínhamos lugar pra colocar nossas coisas. O mesmo vale pro cabideiro de madeira, que é da tokstok também mas veio do quartinho do Henrique da época de criança/adolescente. Já o caixote de madeira com o resto dos livros da Helena,  era um caixote de feira que o Henrique conseguiu de graça e o pai dele pintou pra usarmos na decoração chá de bebê da Helena.

 

IMG_3957

GEZW5579


Na parede maior ainda não coloquei nada pois estou procurando artes com calma e pensando em uma maneira de preencher a parede sem ficar pesada. Por enquanto ela só tem o bastidor escrito Lúcio, que foi feito pela Fê do Ateliê Fê Flores e ficou exatamente do jeitinho que queria, simples e delicado. Logo vou colocar um igualzinho escrito Helena em cima da caminha dela, porque assim que ela viu, ela adorou e eu também! Talvez acabe ficando somente os bastidores e quem sabe umas plantas penduradas..

 

IMG_3955

No pé do berço, coloquei um cesto de palha que está com as malas da maternidade já prontas e que depois vai servir pra colocar mantas, almofadas ou algo assim. Na verdade ele é um cesto que comprei anos atrás pra colocar a árvore de natal dentro mas não fazia sentido deixar ele sem utilidade durante o resto do ano.. então achei um bom uso pra ele. Isso é algo que faço bastante aqui em casa quando compramos algo de decoração pra épocas específicas, como o natal por exemplo. Evito ao máximo comprar itens que tenham uma temática muito limitada, moramos em um apto pequeno e é um desperdício comprar algo pra usar uma única vez ao ano. Então sempre compramos itens que possam ser reaproveitados de outras formas ao longo do ano e que possam transitar por todos os cômodos da casa.

 

IGAA5403

E por falar em malas de maternidade, tanto as malas da maternidade, quanto as mochilinhas e as roupas de cama da Helena e do berço do Lúcio, são da Beterraba. Marca que eu sou apaixonada e que namorei antes mesmo de ser mãe. Lembro de entrar no site e ficar vendo (e querendo) tuuuudo! Minha primeira peça deles foi a Mochila Mami e assim que recebi, confirmei tudo que já sentia pela marca só de olhar de longe. O amor que elas colocam em casa peça, em cada detalhe.. você sente! É tudo feito com um carinho tão grande, que não tem como você não se sentir feliz. Dá vontade de abraçar e usar até não dar mais! hahahaha  Sem contar que além da beleza óbvia, tudo é feito com uma qualidade sem igual! Quem tem, sabe do que estou falando! É apaixonante MESMO e hoje temos o privilégio de além de ter inúmeras peças da marca, poder chamar a Débora e a Flávia, as duas mães empreendedoras e idealizadoras desse sonho, de amigas! Atualmente além das vendas online, elas tem a Casa Beterraba e já estamos planejando passar por lá pra conhece-las pessoalmente depois que o Lúcio estiver maiorzinho e tivermos voltado a nossa rotina de viagens. Pra maternidade estou levando a Bolsa Nina e a Mala Ben, que sempre nos acompanha nas nossas viagens e coube tudo que eu precisava levar pra mim e pro Lúcio e até as coisas do Henrique.

 

FCEM6217

 

JSRY8143
Já nas roupas de cama.. na caminha da Helena, optamos por colocar tudo em branco. Amo roupa de cama branca e esse lençol e fronha fofinha são uma delícia! Já estou querendo na versão adulto hein Beterraba?! No berço do Lúcio, os rolinhos e as almofadas são cinza chumbo e o lençol é dupla face cinza/branco, que acompanha as fronhas fofinhas menores. Assim podemos deixar combinando com a cama da Helena, ou seguindo as cores do resto do Kit berço. Combinou demais com a proposta do quarto e com toda a ideia de aconchego que queria passar.. adoro me deitar com a Helena nessa caminha fofa e não vejo a hora de ter o Lúcio deitadinho nesse berço. Ah, junto com as roupas de cama, veio uma arte linda da Amor & Água, com uma das minhas passagens favoritas e acabei colocando ela em uma das molduras na lateral da cama da Helena.

 

HGBS5700


WGQU6272
Agora a pergunta que não quer calar.. onde estão os brinquedos da Helena? Bom, compramos uma porção de caixas organizadoras plásticas e colocamos algumas dentro do armário e outras em um espaço atrás da porta do quarto. Quando ela quer brincar, ela mesmo pega e depois guarda. Fecha a porta do armário e pronto. Além de tirar a poluição visual de uma porção de brinquedos a mostra na hora de dormir, usamos as caixas como uma maneira dela brincar de forma mais proveitosa com os brinquedos, fazendo rodízio das caixas. Quando tudo ficava a mostra, eram tantas opções que ela não conseguia brincar efetivamente com um único brinquedo. Quando passamos a fazer essa seleção, ela passou a investir mais tempo nos brinquedos disponíveis e a brincar com mais qualidade e criatividade.

 

IMG_4343
Espelho do armário da Helena e uma barriga de 36 semanas.

 

 

Como disse lá em cima, faltou espaço no quarto e tivemos que colocar a cômoda no quarto de casal, o que acabou não sendo nenhum problema além do “estético”. No primeiro ano de vida do Lúcio, ele irá passar as noites no nosso quarto, em um moisés do lado da cama, tanto pra evitar os riscos de morte súbita neonatal quanto pra facilitar na amamentação durante as madrugadas (sem contar que eu aaaaaamo ter as crias pertinho) , então além do moisés, ficou a cômoda com o trocador e a poltrona de amamentação no nosso quarto.  A poltrona comprei usada no olx pouco depois que a Helena nasceu e a intenção era reformar ela dessa vez, mas depois de mil orçamentos que sairiam o preço de uma poltrona nova, optamos por deixar ela como está. Não tem nenhum rasguinho mas esse tecido vai amarelando com o tempo e já não está mais tão branquinha.. então fizemos uma limpeza nela com um produto mágico e pronto. Ela não é a mais bonita e não combina muito com o resto dos móveis aqui mas ela é tão tão gostosa que não abro mão. Foi minha companheira em muitas madrugadas com a Helena e será agora com o Lúcio.. sem contar que ela balança e salva a minha coluna! E se tem uma coisa que aprendi na prática é que na maternidade, conforto e praticidade vem acima de qualquer luxo ou estética.

 

JKUG7257

E falando em luxo, acho que o maior luxo que podemos ter e oferecer aos nossos filhos é o amor. Não tenho nada contra quartinhos mega produzidos, idealizados por arquitetos, decorados por designers.. mas tenham em mente que isso reflete apenas um desejo dos pais e não uma necessidade dos filhos. As vezes recebo mensagens de mães que se sentem tristes por não poder tirar do papel aquela idealização do quartinho dos sonhos pros seus filhos e sempre digo: está tudo bem! Como mãe, eu entendo que esses planos as vezes são feitos antes mesmo de engravidarmos, as vezes antes mesmo de estarmos em um relacionamento.. eu mesma sempre quis ser mãe e construí muitas idealizações antes mesmo de conhecer o Henrique. E muitas vezes me vi precisando abrir mão de algumas coisas que gostaria pra poder ter outras mais importantes.  Mas como disse, são idealizações. E mais importante que uma idealização, é a realidade. E a realidade é que com ou sem quartinho dos sonhos, num berço importado de mais de mil reais ou num bercinho de segunda mão,  você terá um bebê perfeito que precisará de apenas uma coisa: VOCÊ! e dando a ele todo o amor que você tem, você estará proporcionando a ele algo que nenhum luxo pode oferecer.

Então a maior dica que posso dar pra montar um enxoval e um quartinho minimalista, é entender que nem tudo que você quer, ou que é vendido como um “must have” é de fato útil ou necessário. Basta usar a criatividade e colocar amor em tudo que você fizer. Porque quando você olhar o resultado final, mesmo tudo sendo simples, improvisado ou reaproveitado, terá a sua cara e transmitirá o seu amor ♥

Cris

 

2 comentários em “Tour no quartinho da Helena e do Lúcio

  1. Apaixonante esse quartinho, adoro esse estilo mais rústico. O do nosso bebê ficou bem minimalista tb, na verdade só tem um armário suspenso e um guarda-roupa por enquanto. O berço fica no nosso quarto e pagamos R$ 50,00 nele, reformamos e pintamos. Estava bem feio e eu queria desistir dele, fiquei bem triste quando o trouxemos pra casa, mas depois da reforma não ficou tão ruim. Por fim acabamos o acoplando na nossa cama. O importante é que ele está toda noite do meu ladinho e agora posso dormir sentindo o cheirinho dele.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s